Acaba Mundo CCCXII

Hoje são três de agosto de dois mil e dezenove e o mundo não acabou. Uma reunião de mulheres do PSol foi invadida pela polícia em SP; outro dia foi em Manaus. Não vai dar no jornal nacional, não será indignação geral. Tampouco importa à população a vida da população carcerária, boa parte provisória ou com confissão extraída com tortura, como os cinquenta que morreram no motim em Altamira e os outro quatro sendo transportados pelo Estado, ou o batalhão cantando sobre cabeças arrancadas. Não passará por absurdo algum, tampouco, que se venda todo patrimônio da nação, construído com sacrifício, pelo valor do lanche da tarde, BR Distribuidora e Eletrobrás são a bola da vez. Bozo é denunciado pelo aparelhamento da comissão de mortos e desaparecidos, eu digo que faltou ser pelo ICMBio, hoje cheio de canas. O bloco de esquerda em Portugal pede o cancelamento da visita do Bozonazi ao país após a gracinha sobre vítima da ditadura. Bem, e tem toda uma história com STF e PGR sobre Tangas Frouxas e Lava Ratos e outros quejandos. Dona Raquel Bradley Dodge recorreu para que a decisão de Toeffee em favor do Bozokid F valesse apenas para ele, nenhum dos dois preocupados com a legalidade dos sigilos. Dodge também veio a público dizer que Tanga Frouxa é inamovível, o que é fato, faltou acrescentar o CNMP pode, e deve, defenestrá-lo após devido processo, e nisso nem a velhinha de Taubaté acredita (minhas referências de velho). No supremo, o decano Celso de Mello foi enfático contra Bozo e dúbio sobre Lula, já Barroso achou a chance de minimizar as ilicitudes da LavaRato como “fofoca”. Fucks e Morais pediram de Moro as provas que nem se sabe se há, mas Fucks extrapolou a liminar para pedir a cópia, e o careca fez isso lançando mão do já errado inquérito de ofício contra feiquinius, que vai se estendendo sem escopo definido e já vale até ano que vem (e que até a Dodge condenou como “tribunal de exceção”, termo que cabia melhor à lava rato). Falando em supremo, livro revela episódio em que Toeffee salienta aos colegas os trezentos mil homens armados dos general Villas Boas que não aceitariam derrota junto com Bozo. Sarraceno alardeia apoio de juristas evangélicos, entidade criada pela Damares. Boxeadora medalhista no Pan do Peru é censurada ao se pronunciar sobre racismo. Homem com problemas mentais é chicoteado pela polícia no Rio. Mais um atirador mata vinte no Texas. Homem é preso na Argentina após falso positivo de sistema de reconhecimento facial. Cientista espanhol instalado na China por questões éticas anuncia “quimera” de homem e macaco, “promissoras” usinas de órgãos. Acaba mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s