Acaba Mundo CCLXVIII

Hoje são quatorze de junho de dois mil e dezenove e o mundo não acabou. Meses atrás eu tive dificuldade em instalar internet no novo lar doce lar e acabei abandonando a coluna de lado. Mas como era de se esperar, a situação sociopolítica do meu Brasil brasileiro não desanuviou nem um pouco, pelo contrário. Desde então o que se tem visto é a inépcia do governo, uma suposta briga entre militares e olavistas (quantos tanques tem Olavo? quantas ditaduras Olavo impôs outro dia mesmo?), mais medidas autoritárias só nos últimos dias questionadas no congresso ou no supremo, como a campanha do armamento, a extinção dos conselhos. Desmantelar o mecanismo anti-tortura rendeu denúncia na ONU, assim como Witzel mereceu a sua por seu tesão em morte. O mandante do assassinato de Marielle nada (a CNN Chile precisou apontar as ligações com o mandatário), Queiroz nada, nem Nóbrega. O antigoverno sabota o Fundo Amazônia: após denúncias vazias rechaçadas por Noruega e Alemanha, quer usar a grana pra pagar latifundiário e grileiro, numa clara provocação. Bem, tudo isso e muito mais é a semitirania bozonazista, mas eis que faz poucos dias explodiu uma bomba bombástica. Intercept Brasil solta conversas do Sarraceno, do Deltan Tanga Frouxa e mais outros bagrinhos da Lava Jato, e o conteúdo é estarrecedor. Ao menos para quem já desconfiava dessa farsa há muito tempo, porque quem comprou a farsa não pode largar mais o osso. Moro reagiu indignado com a revelação, no dia seguinte alegou forjamento; já tentou insistir que seu comportamento era absolutamente normal e agora já fala em “descuido”. A midiazona, Globo principalmente, visceralmente ligada à operação, faz escândalo com supostas invasões de hackers (criou-se até um estapafúrdio hacker que bate papo com a vítima e usa palavras como “outrossim” e “menoscabo”), e silencia sobre o conteúdo, é claro. Para ficar mais esquisito, as vítimas não querem entregar os celulares para a perícia. O supremo já marcou votação que soltaria Lula e o Villas Boas já repetiu a ameaça. O Intercept promete mais revelações (até o Fucks se melou na última) e nóis tá como? procrastinando trabalho do doutorado para acompanhar o espetáculo. Eu que critico a cultura do espetáculo. Vamos ver. Hoje é o dia da greve geral, e eu tenho um certo medo que aproveitem para pôr a mão de ferro na rua. Endurecimento é uma possibilidade e o esgarçamento ainda maior do tecido social em dois lados irreconciliáveis é uma certeza. Acaba Brasil. Acaba mundo.

2 Respostas to “Acaba Mundo CCLXVIII”

  1. mariluz dos anjos Says:

    Com todo o perigo que correm os manifestantes hoje nas ruas, temos que enaltecer sua coragem e discernimento, e agradecer-lhes também. O Brasil não acaba hoje, mas bem começa – sejamos positivos. Bom texto. Um abraço da Mariluz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s