Acaba Mundo CCXXIV

Hoje são três de fevereiro de dois mil e dezenove e o mundo não acabou. Sabrina Bittencourt, que havia denunciado o charlatão João de Deus por abusos sexuais, cometeu o suicídio após sofrer perseguição. Jean Wyllys, que optou por deixar o país, agora é usado por babacas, Renan inclusive, como exemplo de covardia. Filme que aborda terapia de conversão de gays tem lançamento no país cancelado pela distribuidora, em provável ação dos fanáticos dentro e fora do governo. Olavo conclama ao fechamento dos “partidos do foro”. Me faz quase torcer pelos milicos que querem isolar esse imbecil, pelo menos eles jogam a sério; Araújo já foi enquadrado e não pode mais dar um pio sem autorização da turma quatro estrelas, já se diz. O Senado teve mais um dia de grotesquerie com direito a voto sobrando na urna, provas da fraude destruídas e repetição com votos anunciados. Passou-se por cima do STF e elegeu-se, com a desistência de Renan, o amapaense do Oxiúro, mais um sujo vendido como nova política, tão novo que é da velha Arena, a qual agora preside as duas casas. As credenciais do novo articulador parlamentar do governo incluem integrar o abominável grupo de extermínio capixaba Scuderie Le Cocq. Que vontade de escrever sobre uma boa notícia, mas não está fácil. Acaba mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s