Acaba Mundo XXXI

atlas

Hoje são trinta e um de julho de dois mil e dezoito e o mundo não acabou. Dia difícil. Parece que o peso de um período desgastante tão prolongado, mais ainda, sem horizonte de terminar, somado à ansiedade da seleção de doutorado, coisa que nunca senti antes de vestibular ou concurso, ou do mestrado, finalmente bateu, ou antes bateu novamente. Essa apreensão, essa opressão, vem em ondas desde março de dois mil e dezesseis. Cheguei a pensar em comentar o polêmico Roda Viva do outrora impensável candidato aqui inominado, mas falta força. Nem tanto por ele, mas pelos entrevistadores e pelas reações. Que siga toda gente em sua bolha pregando aos convertidos. A mim já não importa. Que se acabe esta palhaçada logo. Eu gostaria de fazer um sósia passar pela seleção e tomar uma poção que faça dormir até depois das “putativas” eleições. Por enquanto, vale marcar o primeiro mês do Acaba Mundo.

2 Respostas to “Acaba Mundo XXXI”

  1. Rafael Says:

    Vida longa…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s